Vestido longo: Como usar

28
Vestidos longos
Vestidos longos

O vestido longo é elegante, cheio de charme e vida, e com uma delicadeza impar. Foi-se o tempo em que eram usados apenas em situações formais ou eram sinônimo de falta de liberdade para as mulheres.

Hoje eles ganharam as ruas, os shoppings, confraternizações e locais de trabalho. São usados durante o dia, tarde e noite.

blusas_350x250

Os vestidos longos nos permite criar looks variados, mais extravagantes ou casuais. E para usufruir ao máximo desta peça atemporal, é importante entender um pouco sobre eles.

A escolha de um vestido longo pode achatar nossa silhueta, ou então alongá-la. E por ser uma peça grande e volumosa, a escolha errada pode acabar com o dress code desejado.

Então veja as nossas dicas para torna-lo em um grande aliado, que produz looks incríveis, realçando as qualidades certas do seu corpo.

1. Escolhendo o vestido ideal para o seu corpo

Mulheres baixinhas

Muita gente fala que um vestido longo não fica muito bom em mulheres baixinhas, mas é mito. É possível ter um look excelente mesmo quando não somos muito altas.

No entanto, é importante tomar alguns cuidados para tornar o vestido longo em um aliado.

Veja mais dicas nessa ótima matéria da Pequena Mila

Dica para mulheres baixinhas

Quando a estatura não ajuda, um vestido longo pode acabar achatando muito a silhueta e dando a impressão de ter ainda menos altura.

Com um vestido longo é ainda mais importante usar um salto alto, mas nada de se sacrificar demais, o conforto vem em primeiro lugar (sempre!).

Os modelos de vestido mais justos também ajudam bastante, especialmente quando possuem fendas laterais. Aliás, as fendas laterais são bem vindas em qualquer modelo de vestido.

Tamanho dos seios

Os vestidos longos são grande aliados de mulheres que tem seios grandes, já que eles alongam a silhueta distribuem bem o foco. Mas o melhor aliado ainda são os decotes corretos, como o decote em V.

Já quem tem seios menores podem preferir um decote canoa, e escolher também alças menos trabalhadas que ajudam a chamar a atenção para a região.

Se você quer conhecer os tipos de decote e seus atributos, veja a matéria que produzimos.

Plus size

Os vestidos longos são excelentes para quem está acima do peso, pois a silhueta alongada chama a atenção para uma linha imaginária que ajuda a disfarçar a barriguinha. O tamanho ideal do vestido é o que te deixa mais confortável.

Tecidos fluídos são recomendados por não marcar muito a cintura e o quadril, mas não tenha medo de quebrar esta recomendação e usar as suas curvas como suas aliadas, afinal as nossas curvas são nossos traços mais charmosos e femininos.

Se você quiser tirar o foco da barriguinha, os detalhes nos ombros são excelentes para a missão!

2. Escolhendo o vestido certo para a ocasião

Existem vestidos nos mais variados estilos e moldes, e cada um deles favorece determinadas qualidades no look. O passo mais importante para se vestir bem é a escolha de um vestido que realça as qualidades certas de acordo com a ocasião e necessidade.

Por exemplo: Um vestido longo mais leve e menos estruturado favorece o charme e a casualidade, enquanto um vestido com uma modelagem mais estruturada e que acompanha as curvas do nosso corpo proporciona elegância e glamour.

Silhueta

A modelagem do vestido está ligada diretamente à silhueta que teremos ao usá-lo. E a silhueta influencia diretamente a imagem que um vestido passa, e também pode dar harmonia para as nossas curvas.

Acabamento

Além da modelagem, os detalhes do vestido desempenham um papel fundamental para determinar o tom do visual.

A presença de um decote mais sofisticado ou de uma fenda muda completamente o look do vestido, assim como as estampas, bordados, rendas e os babados.

OBS: Não deixe de ler nossa matéria sobre como combinar acessórios com vestido estampado

Saber escolher um vestido com os detalhes certos podem tornar um look simples em algo charmoso e cheio de estilo. Saber brincar com os detalhes dá a personalidade ao look.

Escolhendo os detalhes do vestido na montagem do look

Looks formais

Para ter um visual mais formal e elegante, é interessante escolher uma modelagem mais justa e estruturada, mas na medida certa para não ficar algo vulgar.

A escolha dos detalhes variam de acordo com o gosto pessoal e o estilo da festa: Assimetria e fendas vão deixar o look mais sofisticado e moderno, enquanto rendas e babados incrementam o charme e elegância.

Looks casuais

Para quebrar um pouco a formalidade do vestido longo é interessante escolher um tecido mais leve e menos estruturado, e se o vestido for mais soltinho, melhor ainda.

O look casual permite detalhes variados, então é o momento mais adequado para deixar nosso gosto pessoal aflorar em brincadeiras com babados, decotes, e até com a manga e barra do vestido.

3. Tipos de vestido

Existem diversos modelos com características distintas, que ressaltam qualidades diversas. Cada um possui dicas e recomendações específicas, então vamos à eles!

Vestidos com alças

A maioria dos modelos de vestido optam pela alça. Elas ajudam na sustentação do vestido e são ideais para quem tem seios fartos e volumosos, dando mais segurança e estabilidade.

Escolhas seguras são os vestidos império e vestidos linha-A, que já falamos em matérias super legais. Quem quer algo mais sofisticado pode preferir um vestido assimétrico, com alça de um único lado, ficam maravilhosos!

Vestidos sem alça

Os modelos de vestido de alça dão uma sofisticação ao visual, especialmente se o vestido for muito longo (ou com caldas). Os modelos são ideais para situações mais elegantes.

Vestidos longos tomara que caia ou tubinho são ideais para situações mais extravagantes e festas de gala. Você pode ver todas as dicas sobre como usar estes modelos nas nossas matérias especiais para eles.

Já os vestidos ombro a ombro dão uma sofisticação na medida cerca, e podem servir para situações de gala ou situações menos extravagantes.

Bom, agora que já falamos sobre os modelos e as contra-indicações, vamos ao que interessa!

4. Experimente o vestido

Pesquisar referências e separar algumas imagens de vestidos que a gente gosta é importante, mas ir provar modelos diversos é fundamental.

Provando vestidos variados

Experimentar de verdade um vestido é uma etapa fundamental na aquisição de uma nova peça para o guarda-roupas.

É na experimentação que nós descobrimos vestidos com modelos que nem imaginaríamos que vestem bem no nosso corpo. Assim como testamos as cores com o nosso tom de pele, cabelo e olhos.

Além de que ao entrar em uma loja, podemos aprender muito ouvindo a opinião de vendedores que entendem muito do assunto.

Experimentando em casa

A fase de experimentar o vestido não acaba quando escolhemos um modelo na loja e compramos. É aí que começa a parte mais importante.

Experimente o vestido na sua casa, teste combinações com seus acessórios, e monte composições inusitadas muito antes de precisar usar o vestido.

E não deixe de testar o vestido em situações variadas. Se movimente bastante, dance (se a festa que você irá terá dança), faça movimentos que você irá executar com ele.

Também é fundamental testá-lo nas mais variadas luzes, incluindo a luz natural. É assim que descobrimos transparências indesejadas, e outros detalhes que podem arruinar o look.

Passe horas com o vestido

Não deixe para usar o vestido por mais tempo só na ocasião desejada. Tire um dia para usá-lo por muitas horas ainda em casa.

Se acostumar com o vestido é fundamental para estarmos seguras e confortáveis no grande dia.

Utilizando o vestido em casa por mais tempo também é uma maneira de descobrir se o molde não está muito apertado, ou se o vestido não fica caindo. Coisas péssimas para descobrir só na hora da festa.

5. Como montar o visual usando vestidos longos

Uma das grande vantagens dos vestidos longos é a versatilidade que eles proporcional, pois quando combinado com acessórios certos, ou com jaquetas e blazers, o visual se adapta facilmente ao que você deseja.

Separamos algumas opções charmosas para ajudar na montagem do look!

Looks descontraídos

Se a ideia é um look mais casual, o vestido mais simples pode ficar excelente acompanhado de peças informais como sapatênis e acessórios menos chamativos.

Falando em acessórios, para este look menos é mais. Um relógio ou pulseira; um colar menos extravagante; ou uma tornozeleira delicada são as escolhas mais seguras e que combinam mais com o visual proposto.

Uma listinha que pode ajudar na hora de compor looks casuais:

  • Fuja de cintos pois eles modelam mais o vestido ao corpo, deixar o vestido mais fluído é uma ideia interessante.
  • Você pode acompanhar o look com um chapéu para dar um charme ainda maior, este acessório é muito esquecido, porém proporciona um visual único e bem interessante!
  • Uma jaqueta jeans pode fechar o look com chave de ouro, especialmente em dias mais frios!

Visuais mais arrumadinhos

Para visuais mais formais e arrumados, o cinto se torna o melhor companheiro. A modelagem que ele dá ao vestido é fundamental para ter o efeito mais social que o visual pede, além de deixar a cintura muito mais bonita!

Aqui o salto alto também é uma aposta certeira, mas reforço o que dissemos acima: Sem sacrifício. Nunca se machuque em função da beleza. Escolha sempre saltos que sejam confortáveis.

Para dias mais frios, a jaqueta jeans dá lugar à jaquetas de couro, casacos ou blazers. A combinação fica linda e a escolha deve ser feita de acordo com a necessidade do evento.

Para a noite, aposte em um maxi colar bonito, e se os braços estiverem à mostra, usar muitas pulseiras é uma excelente escolha.

OBS: Veja nosso guia completo sobre como combinar maxi colar com vestido

Para festas de gala

Quando a situação é muito extravagante ou de gala, a melhor coisa a se fazer é escolher um modelo de vestido bem sofisticado e deixar o vestido brilhar!

Vestidos tomara que caia, assimétricos (com ombro único, ou assimetria na frente da calda), assim como vestidos envelope são uma excelente aposta.

Neste visual é interessante escolher um cinto com um detalhe chamativo, e acompanhar os acessórios nesta mesma cor (preto com dourado fica divino!)

6. Dicas para deixar o visual mais interessante com um vestido longo

O vestido longo é aquela peça que domina o look, e muitas vezes evitamos compor muito o visual quando usamos ele. Não tem nada de errado nisso, é até um jeito fácil de ter um look legal sem tanto trabalho.

Mas para quem evita incrementar o look por não saber como combinar um vestido longo, temos ótimas dicas que você precisa tentar!

– Adicione camadas

Um vestido longo parece ter sido projetado para compormos looks com multi camadas. É possível usar uma blusa por baixo para criar um visual casual e bem estiloso, ou então apostar em uma terceira peça por cima do look.

– Adicione um acessório inesperado

 Para quebrar um pouco a formalidade do vestido e deixar seu visual bem interessante e moderno, arrisque algum acessório inusitado. É um recurso muito usado por fashionistas e que se torna facilmente o ponto focal do look.

– Modele a cintura

Muitos vestidos longos já vem com a cintura mais marcada, mas para quebrar a monotonia de um vestido, adicione uma peça na cintura. Pode ser um cinto, uma blusa amarrada, ou até um lenço.

Esta peça dividirá o look em dois, tornando tudo mais harmonioso e interessante.

– Aposte em um tênis nos looks casuais

Usar um tênis branco com um vestido longo é uma tendência bem estilosa e interessante, além de ser uma opção super confortável. Esta combinação é aquela arma secreta quando não sabemos o que usar.

28 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here